Angústia

Há dias que ela me visita. No meu coração já fez morada. Falaram-me que é o amor. No início não entendi, achei loucura o que diziam. Como o amor poderia ser angústia?

Com o tempo veio o entendimento, lento e gradual. O amor vivido apenas em palavras, o amor reprimido, esse transforma-se em angústia. Percebe? Sente?

Vamos viver esse amor logo? Não aguento mais essa angústia latente em mim. 

Abraços,

Sofia Aimée

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s