Nada

Ela achou que era drama, falta de maturidade, exagero e ausência de compreensão. Pensou ainda que fosse a  volatilidade e inconstância de Marcos se materializando. Era só saudade, de alguém que por ele já não sentia nem demonstrava nada, acompanhada da insegurança que aquele garoto carregava no peito. Uma insegurança de ter em sua vida alguém que ele não sabia definir, alguém que não era nada. Não era namorada, não era um caso ou uma ficada. Talvez uma amiga, mas por amigas não se apaixona e nem se deseja como amante. Não era paquera, pois já tinha passado dessa fase efêmera dos relacionamentos, tinham algo que talvez só ele percebesse. Era possivelmente um amor unilateral, o que lhe causava uma dor inexorável. Não sabia dizer, era apenas “aquela menina”, era assim que a chamava, na ausência de uma nomenclatura ou de uma daquelas etiquetinhas/status que oferecem aos casais uma falsa sensação de segurança, que afastam o mal da beleza do amor. Quando a pessoa é sua mulher, você talvez não entre em desespero se ela viajar e não te ligar por 2 dias. (Ainda que sinta as dores do seu esquecimento). Quando é sua namorada você não surta se ela só te ligar quando estiver indo dormir.  Quando ela é sua noiva, você não teme uma separação de 2 meses. Mas e quando ela não é nada?! Aí meu amigo, você apenas espera. Sofre em silêncio, enlouquece em suas suposições, pois você não tem aquela fitinha VIP que te permite entrar na área restrita, fica ali, misturado naquela massa amorfa como se não sentisse nada, como se não se importasse, como se fosse uma pedra, apenas observando e desejando estar onde não pode entrar. Sem ser notado, você é apenas mais um na vida daquela menina. Um nada.

Abraços,

Sofia Aimée

Anúncios

3 comentários em “Nada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s