Verdade seja dita:

Se estar junto a mim fosse um verdadeiro desejo teu, tuas desculpas seriam por esse desejo e vontade devoradas e nem a distância, nem o trabalho, nem o curso, nem o inglês, nem o aniversário da tia, nem o celular quebrado, nem a tempestade de verão, nem o caminho trocado, nem minha tpm, nem meus sentimentos efêmeros e em crise, nem minha família, nem minha loucura, nem a sociedade, nem a mentira, nem a verdade, nem o tempo, nem ninguém seria motivo para justificar você aí, longe de mim.

Abraços,

Sofia Aimée

kurthalsey

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s