Palavras

Eu sinto muito por todas as palavras em excesso. Tenho consciência de que falo demais sobre assuntos diversos, não te deixando falar. Pode parecer indiferença, mas é apenas minha ansiedade e falta de jeito quando com você estou. Arrependo-me por tudo aquilo que deixei de viver com você. Por todas as vezes que te disse ‘não’ quando deveria ter dito ‘sim’. Confesso que para mim não é simples iniciar tudo novamente, mas estou disposta a tentar. Cheguei a ficar confusa por um amor antigo e por aquele recém terminado. Também cheguei a me balançar por um outro caso futuro, porém nunca deixei de pensar em você. Adoro o teu azul e a possibilidade de te ter ao meu lado. Ainda que isso não seja certeza, fico contente com essa ilusão criada. É o meu desejo de ter você ao meu lado. Todas essas palavras são apenas para dizer que eu quero você. Quero saber como foi o teu dia e o que te aflige. Anseio com você deitar, sem nada falar, apenas amar. Quero um e-mail seu, pois hoje fiquei a esperar por um. Tantas coisas para fazer e eu esperando a porra de um e-mail. É desesperador não ter nenhum e-mail para ser lido. Eu queria um e-mail seu, não veio. Não veio também qualquer mensagem, qualquer ligação ou sinal de fumaça. O porteiro não interfonou e a campanhia não tocou. Meu coração aperta… aperta porque eu sou orgulhosa e sei que quando você me procurar eu não vou atender. Mas você não vai ligar…

Abraços,

Sofia Aimée

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s