Felicidade

Muitas estradas percorri
Para te ver simplesmente passar
Muitos mares enfrentei
Tentando te encontrar
Monstros enormes enfrentei
Solidão, medo, angustia e dor
Todos eles derrotei
Na esperança de um dia te encontrar
Me apaixonei por quem não devia
Quando meu coração era seu lugar
Beijei bocas desconhecidas
Na ânsia de te desvendar
Nenhuma mulher conseguia
Preencher o seu lugar
Os anos se passaram rápido
E a busca começa a fraquejar
Hoje me acompanha somente a solidão
Por mais que a queira afastar
E ainda busco no horizonte
Forças para te encontrar
Meu corpo está muito fraco
Vou parar para descansar
E deixar somente para você
A obrigação de me encontrar

Poema de André Martins

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s