Mudança de Blog.

novoo

Para os navegantes, informo que mudei de embarcação.

Após mais de cinco anos reinicio minha escrita em um novo lugar, um novo começo. Pois a vida é feita de ciclos e hoje fecho oficialmente o Ilusões Perdidas e me separo da Sofia.

Novo Blog:

*******************************************************

Me escrevendo: aquilo que não falei, escrevi.

*******************************************************

https://meescrevendo.wordpress.com/

Afinal, é isso que mais faço, seja na internet, seja no meu pequeno e sempre fiel moleskine ou até mesmo em um pedaço de papel qualquer. Escrevo, escrevo e escrevo. É assim que me entendo, é assim que te confundo, é assim que me perco e no final me encontro.

São apenas palavras… a interpretação? Livre…

Obrigada a todos que aqui acompanharam, mas desse passado hoje eu me liberto…

Abraços,

Sofia Aimée / Roberta Perozza

Ainda há tempo?

As vontades eram infinitas. queria sair falando, gritando, implorando, me declarando como nunca fiz a você.

Não tem espaço nesse nosso momento de vicissitude. Dessa forma eu só te peço espaço para tentar… pois dessa vez o desejo de acertar está comigo. 

<3

Rô.

Ele x Eu

Chega e eu já estou na cama, me traz um presente. Eu, desmaiada de sono, o beijo no automático, ele me entrega uma sacola, agradeço, digo que não precisava, ele reclama, diz que eu nem olhei, coloco a sacola no lado, continuo com os olhos fechados, ele me abraça, deita-se comigo e tenta me reanimar, não funciona, continuo dormindo, acordo cedo, tomo banho, ele dorme, aviso que tem café, pão na cozinha, ele me beija, sonolento, ainda não acordou, dorme, está no automático, se vira, continua a dormir, já estou atrasada, volto, beijo o de novo, peço para que não se preocupe com o horário, que fique o quanto quiser, ele resmunga, ele dorme, eu acordada, abro a sacola, dois anéis, eu amo anéis, olho para o relógio, já atrasada, volto para o quarto, beijo sua face, desejo bom dia e parto para o trabalho.

Saudade

Apenas essa palavra de tão difícil tradução explicaria ou resumiria o teu amor. Afinal, apesar dos pesares, você me olha com carinho, me abraça e diz estar com saudade. É dessa maneira linda que eu entro novamente na tua vida, como amiga, mas na tua vida. Não foi pesado, não foi estranho, foi ótimo. Obrigada.

Rô 

Constatações

- Talvez porque você não tenha gostado de verdade de alguém.

- Claro, um namoro de cinco anos, outro de um ano, uns dois no meio do caminho de menor duração, uma paixão e idealização de dez anos, uns dois babacas que me foderam a cabeça… Tudo porque eu sou uma idiota e não gostava dessas pessoas. Devo é ser louca…

O incrível poder das pessoas em elaborarem constatações.

Abraços,

Sofia.